sábado, 13 de janeiro de 2018

CHUVA E FORTES VENTOS ASSUSTAM MORADORES DA REGIÃO DE ALTO PARNAÍBA MA

CHUVA E FORTES VENTOS ASSUSTAM MORADORES DA REGIÃO DE ALTO PARNAÍBA MA
Uma forte chuva acompanhada de rajadas de ventos fortes deixou estragos no município de Alto Parnaíba MA, na noite de quarta-feira (10).
Mais de sete ruas ficaram bloqueadas com arvores caídas, barracas de lona foram arrastadas, murros foram derrubados, diversos moradores relataram que telhados caíram e de prejuízos nas residências.
Houve também o registro de estragos pelo interior do município e na MA 006 entre Alto Parnaíba MA e Balsas MA de queda de dezenas de árvores. Uma torre de internet caiu e centenas de usuários ficaram sem sinal. De acordo com a empresa o sinal será restabelecido em 4 dias úteis. 
Reprodução
A Prefeitura Municipal através da Secretaria de Urbanismo informou que duas caçambas, uma retroescavadeira e várias pessoas forma mobilizadas para retirar os entulhos e fazer os reparos necessários.
As chuvas desse mês de janeiro tem assustado a população de Alto Parnaíba MA, Santa Filomena PI e Tasso Fragoso MA pela intensidade que estão vindo.

sábado, 30 de dezembro de 2017

EXPEDIÇÃO DA CODEVASF NO PARNAÍBA TEVE INÍCIO EM ALTO PARNAÍBA (MA)

EXPEDIÇÃO DA CODEVASF NO PARNAÍBA TEVE INÍCIO EM ALTO PARNAÍBA (MA)
No primeiro dia da expedição técnica organizada pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) à região do Vale do Rio Parnaíba, técnicos e gestores da Companhia percorreram trecho do rio no município maranhense de Alto Parnaíba e participaram de reuniões técnicas com prefeitos municipais e autoridades.
Acompanharam as atividades realizadas nessa segunda-feira (11), o presidente da Codevasf, Avelino Neiva, o superintendente regional da Companhia no Maranhão, Jones Braga, os representantes do Corpo de Engenheiros do Exército dos Estados Unidos (Usace) Calvin Creech e Adriel McConnell, o deputado federal pelo Maranhão Juscelino Filho, e técnicos e assessores da Codevasf.
No mesmo dia, o grupo assistiu a uma apresentação sobre os estudos de viabilidade técnica e ambiental e o projeto básico da hidrovia do Parnaíba realizados pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). A apresentação foi conduzida por Ocelo Rocha, analista da Codevasf no Piauí.
Os estudos contemplam dados da região da hidrovia, que tem extensão total de 1.401 km, e incluem levantamentos sobre elementos como portos, cargas e estruturas físicas existentes. Os documentos foram elaborados com o objetivo de nortear ações de dragagem, derrocamento, sinalização e balizamento para implantação da hidrovia do Parnaíba, para transporte de cargas e passageiros.
A agenda também contou com a participação dos prefeitos de Alto Parnaíba (MA), Rubens Ogasawara, de Santa Filomena (PI), Carlos Augusto Braga, de Uruçuí (PI), Francisco Vagner, de Tasso Fragoso (MA), Roberth Cleydson Coelho, de Balsas (MA), Erik Augusto Silva, e de Nova Iorque (MA), Mayra Guimarães.
O presidente da Codevasf frisou na ocasião a importância de ações de revitalização para o projeto de retomada da navegação do rio. “O estudo de viabilidade técnica, econômica e ambiental está aqui pronto, feito, iniciado em 2012 e concluído em 2014. Resta a nós, lutarmos para que isso se torne uma realidade”, disse Avelino Neiva. “Se tivermos o apoio político dos deputados federais do Piauí e do Maranhão, nós vamos construir a navegação deste rio com inteligência, com presteza, para que esta região se torne a mais importante do nosso Brasil”, acrescentou.
Avelino Neiva também destacou a necessidade de união de esforços para a conclusão de obras de esgotamento sanitário no Maranhão. “Vamos levantar cidade por cidade do Maranhão que tem problema de esgotamento sanitário, cada uma com seu respectivo orçamento, para que possamos juntos decidirmos como podemos concluir definitivamente os projetos de esgotamento sanitário na calha do rio Parnaíba”, disse.
“Essa expedição é o ponto inicial para outros projetos, outras ações da Codevasf, que é uma empresa pública federal que já possui ações aqui nessa cidade – sistema de esgotamento sanitário –, e que vai ter outras ações”, afirmou o superintendente Jones Braga durante o encontro em Alto Parnaíba.
Expedição
O objetivo da expedição organizada pela Codevasf é levantar informações para a retomada de um estudo da região com vistas à realização de futuros projetos voltados à promoção da navegabilidade do Parnaíba, com o intuito de facilitar o escoamento da produção do Sul do estado até Teresina (PI) e Timon (MA). Até sexta-feira (15), os integrantes da expedição percorrerão o rio passando pelos municípios de Alto Parnaíba (MA), Ribeiro Gonçalves (PI), Uruçuí (PI), Guadalupe (PI), Floriano (PI) e Teresina (PI) / Timon (MA).
Ao longo do percurso a comitiva se reunirá com prefeitos e autoridades locais, e técnicos realizarão medições e registro de imagens. Na sexta-feira, em Teresina, haverá diálogo sobre temas associados à expedição no auditório da 7ª Superintendência Regional da Codevasf, com a participação de técnicos, gestores da Companhia e autoridades.

Fonte: Codevasf

APÓS PARTIR DE ALTO PARNAÍBA MA, CODEVASF CONCLUI EXPEDIÇÃO TÉCNICA NO RIO PARNAÍBA

APÓS PARTIR DE ALTO PARNAÍBA MA, CODEVASF CONCLUI EXPEDIÇÃO TÉCNICA NO RIO PARNAÍBA
A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) concluiu nesta sexta-feira (15), em Teresina, a expedição técnica no rio Parnaíba. O objetivo foi coletar dados e informações para realizar os estudos de retomada de navegabilidade do rio, com o intuito de facilitar o escoamento da produção do sul do Piauí até Teresina e Timon (MA). A expedição foi liderada pelo presidente da Codevasf, Avelino Neiva, acompanhado do diretor da Área de Revitalização, Inaldo Guerra, com a participação de representantes do Corpo de Engenheiros do Exército dos Estados Unidos (Usace, sigla em inglês), Calvin Creech e Adriel McConnell, além de parlamentares, técnicos e assessores da Companhia.
"Nessa expedição contamos com a experiência do corpo de engenharia do exército dos Estados Unidos, que já realizou ações desta natureza no rio São Francisco e ainda mantém contrato de consultoria técnica com a Codevasf. Já realizamos trabalhos no São Francisco e agora iremos expandi-lo para a bacia do Rio Parnaíba. Ficamos satisfeitos com os resultados e com os diagnósticos iniciais apresentados ao longo dessa grandiosa Expedição e, além disso, pudemos confirmar que o Rio Parnaíba é navegável sim", disse Avelino Neiva.
A bacia do rio Parnaíba é a segunda mais importante do Nordeste em termos hidrológicos e contribui para o desenvolvimento econômico dos estados onde está inserida: Piauí, Maranhão e Ceará. Atenta a importância da região, a Codevasf desenvolve ações integradas e permanentes para fomentar o uso sustentável dos recursos naturais da bacia a fim de promover a revitalização e o aproveitamento do potencial econômico do rio, como a navegabilidade.
"A iniciativa da expedição foi de suma importância para avaliar a viabilidade da navegação no Parnaíba. O estudo que será feito pela equipe do Usace vai indicar justamente se a navegabilidade é viável e quais os investimentos necessários", avaliou o superintendente regional da Codevasf no Piauí, Fábio Miranda. "O apoio político é essencial para a garantia dos investimentos de uma obra de tal porte. Como se trata de uma intervenção que beneficia diretamente dois estados (Maranhão e Piauí) o esforço conjunto das bancadas é vital para o sucesso do projeto", acrescentou.
Navegar é preciso
O roteiro da expedição no rio Parnaíba teve início na segunda-feira (11). No percurso, que combinou sobrevoos de helicóptero e viagens de barco, os técnicos realizaram medições e registro de imagens ao longo da calha do rio nos municípios de Alto Parnaíba e Timon, no Maranhão, e Santa Filomena, Ribeiro Gonçalves, Uruçuí, Guadalupe, Floriano e Teresina, no Piauí. Além disso, a comitiva da Codevasf reuniu-se com prefeitos e autoridades locais para apresentar e discutir ações na região.
"Aprendemos muito sobre a região. Vimos que a produção de grãos nessa área é imensa, e vimos também as oportunidades de navegação no Parnaíba para apoiar o setor de agricultura. O rio Parnaíba vai ser importante para os projetos que estamos imaginando. O rio tem muita viabilidade para o transporte e para diminuir os custos relacionados à agricultura", afirmou o engenheiro do Usace Calvin Creech.
Em Alto Parnaíba, no primeiro dia da viagem, o analista da Codevasf Ocelo Rocha destacou os estudos de viabilidade técnica e ambiental e o projeto básico da hidrovia do Parnaíba, realizados pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Os estudos do Dnit contemplam dados da hidrovia, pesquisa de cargas e levantamento de portos e estruturas físicas existentes, entre outros aspectos. O objetivo é nortear as ações de dragagem, derrocamento, sinalização e balizamento para implantação da hidrovia.
"O estudo de viabilidade técnica, econômica e ambiental está pronto. Resta a nós lutarmos para que isso se torne uma realidade. Se tivermos o apoio político dos deputados federais do Piauí e do Maranhão, nós vamos construir a navegação deste rio com inteligência, com presteza, para que a região se torne a mais importante do nosso Brasil", destacou o presidente da Codevasf, Avelino Neiva.
A comitiva também conferiu áreas com plantios de grãos entre os municípios de Ribeiro Gonçalves e Baixa Grande do Ribeira, no segundo dia da expedição. Na passagem por Uruçuí, no terceiro dia, Avelino Neiva anunciou a retomada de obras de esgotamento sanitário no município. A ação conta com investimentos de cerca de R$ 3 milhões e vai beneficiar 20 mil pessoas. Os serviços incluem a conclusão de estações elevatórias, recuperação de poços, conclusão de redes coletoras de esgotos e implantação de ramais prediais.
"O balanço das ações de revitalização na bacia do Parnaíba tem sido muito positivo. Com o empenho do nosso presidente, que é piauiense, e o apoio incondicional da bancada federal, buscamos mais recursos em benefício da bacia do Parnaíba. Já retomamos o sistema de esgotamento de Floriano, e anunciamos a liberação de recursos para Uruçuí", ressaltou o diretor da Área de Revitalização da Codevasf, Inaldo Guerra.
Na sequência, o grupo visitou os municípios de Guadalupe e Floriano. Nesta sexta-feira, na sede da 7ª Superintendência Regional da Codevasf, em Teresina, foi realizado um diálogo sobre os principais temas observados e discutidos no decorrer da expedição.
Para o presidente da Codevasf, tornar o Velho Monge – como também é conhecido o rio Parnaíba – novamente navegável é proporcionar mais desenvolvimento econômico e social para toda a região. "Isso vai diminuir o custo de transporte, uma vez que a distância média de onde são produzidos os bens, no cerrado piauiense, é cerca de 80 quilômetros até Teresina", enfatizou.
Também participaram de agendas ao longo da expedição, o senador Elmano Ferrer; o superintendente regional da Codevasf no Maranhão, Jones Braga; os deputados federais Heráclito Fortes e Juscelino Filho; o deputado estadual Gustavo Neiva; o superintendente do Dnit no Piauí, Paulo de Tarso Cronemberger; o coronel Alessandro da Silva, comandante do 2º Batalhão de Engenharia de Construção do Exército Brasileiro, em Teresina; entre outras autoridades e assessores da Codevasf.

Fonte: Codevasf

PREFEITO RUBENS GANHA AMBULÂNCIA PARA ALTO PARNAÍBA DO DEP. FEDERAL JUSCELINO FILHO

PREFEITO RUBENS GANHA AMBULÂNCIA PARA ALTO PARNAÍBA DO DEP. FEDERAL JUSCELINO FILHO
Na última quarta-feira (27/12) o Prefeito Rubens Sussumu e a Secretária de Saúde Aila Freitas anunciaram a conquista de mais uma ambulância para o município de Alto Parnaíba – MA.
A ambulância que foi adquirida através da grandiosa contribuição do Deputado Federal Juscelino Filho, foi publicada no Diário Oficial da União através da portaria nº 3.673 de 22 de dezembro de 2017.
A ambulância Tipo A no valor de R$ 80.000,00 servirá para remoção simples e ajudará na estruturação da rede de atenção especializa e pertence ao Fundo Municipal.

“O objetivo é levar melhoria no atendimento à população do município”, destacou o Prefeito Rubens.

JUSCELINO FILHO VISITA ALTO PARNAÍBA DURANTE EXPEDIÇÃO DA CODEVASF PELO RIO PARNAÍBA

JUSCELINO FILHO VISITA ALTO PARNAÍBA DURANTE EXPEDIÇÃO DA CODEVASF PELO RIO PARNAÍBA
Na segunda-feira (11), o deputado Juscelino Filho (DEM) esteve em Alto Parnaíba acompanhando a expedição técnica da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), pelo rio Parnaíba. Na pauta, a navegabilidade do Rio Parnaíba, a construção da ponte que liga à Santa Filomena (PI), e também o término de obras de saneamento e esgoto nas cidades ribeirinhas, entre outros assuntos.
Com a presença do presidente da Codevasf, Avelino Neiva, do prefeito Rubens, de engenheiros, assessores e lideranças da região, o deputado Juscelino participou das vistorias que tem como objetivo empreender informações para a retomada de um estudo da região com vistas à realização de futuros projetos voltados à promoção da navegabilidade do rio Parnaíba com o intuito de facilitar o escoamento da produção do Sul do estado, até Teresina (PI) e Timon (MA). O parlamentar aproveitou para reafirmar seu compromisso com o município e com a gestão: “Aproveito minha visita aqui para confirmar meu compromisso com Alto Parnaíba, com o prefeito Rubens e sua gestão, a qual já destinamos emendas parlamentares na área da saúde e da educação”, destacou Juscelino Filho.
Ao longo dos últimos anos, a Codevasf investiu mais de R$ 382 milhões em ações de revitalização da bacia do rio Parnaíba. Entre as atividades empreendidas estão a implantação de sistemas de esgotamento sanitário e de ligações intradomiciliares e intervenções voltadas ao controle de processos erosivos. O objetivo dos trabalhos é preservar a bacia e recuperar áreas degradadas, além de aumentar a qualidade e o volume dos recursos hídricos da bacia hidrográfica. Cerca de R$ 336 milhões foram investidos em sistemas de esgotamento. As ações reduzem a incidência de doenças e a poluição do solo e da água.

Fonte: Codevasf

sábado, 9 de dezembro de 2017

UEMA DIVULGA RESULTADO DO SELETIVO DOS CURSOS TÉCNICOS DE INFORMÁTICA E HOSPEDAGEM

UEMA DIVULGA RESULTADO DO SELETIVO DOS CURSOS TÉCNICOS DE INFORMÁTICA E HOSPEDAGEM
A UEMA – Universidade Estadual do Maranhão divulgou na manhã de hoje (09), a relação nominal dos candidatos que prestaram provas para o Processo Seletivo Simplificado para os cursos técnicos de Informática e Hospedagem, conforme especificado abaixo:
1.  Curso Técnico de Informática – 50 vagas com 55 classificados em função de cinco empates;
2. Curso Técnico em Hospedagem –50 vagas com 53 classificados em função de três empates;
As matriculas acontecerão nos dias 11, 12 e 13 de dezembro, das 8h às 12h e das 14h às 18h, no Polo da UEMA Rio Parnaíba, situado na Rua Elias Rocha, s/n, bairro Santa Cruz.
Lista de Documentos:
- Diploma ou Certificado do Ensino Médio e histórico escolar com visto da inspeção escolar ou carimbo de inseto do Conselho Estadual de Educação (Original e cópia autenticada);
- Cédula de Identidade (Original e cópia);
- Certidão de Nascimento ou Casamento (Original e cópia);
- Certificado de Reservista para pessoas do sexo masculino, maiores de 18 anos (Original e cópia);
- Titulo e comprovante de quitação eleitoral da última eleição para maiores de 18 anos (Original e cópia);
- Uma foto 3x4 recente;
- CPF (Original e cópia);
- Comprovante de residência (Original e cópia).




Os cursos técnicos são uma parceria entre a Universidade Estadual do Maranhão e a Prefeitura Municipal de Alto Parnaíba MA. Aqui Começa o Maranhão!